Lesão do ligamento colateral medial - comum no futebol - KinesioSport

Lesão do ligamento colateral medial – comum no futebol

As bandagens elásticas adesivas KinesioSport® são conhecidas por auxiliar em diversas modalidades esportivas – desde a prevenção de lesões, alívio de dores, além de ajudar a obter um melhor desempenho. Esse post faz parte de uma série apresentada por Paulo Anchite, fisioterapeuta do esporte no Club de Regatas Vasco da Gama e fisioterapeuta intensivista do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes. Estes artigos trazem informações sobre lesões no esporte e como a bandagem elástica pode ajudar na recuperação e prevenção desses problemas.

A lesão do ligamento colateral medial ( LCM) assombra e muito o mundo do futebol em suas principais categorias:

A lesão do ligamento colateral medial ( LCM) do joelho.

Estrutura localizada na face superior interna da tíbia e na face inferior interna do fêmur, fazendo a ligação óssea.

O LCM é responsável pela estabilidade do joelho em suas partes médias, nos movimentos, o auxílio é principalmente nas lateralizações com freadas bruscas e saltos. Os ligamentos não trabalham sozinhos, existe uma colaboração muito importante do quadríceps da coxa, conjunto de 4 grandes músculos denominados, reto femural, vasto medial , vasto intermédio e vasto lateral , que se localizam na parte anterior da mesma.
As lesões geralmente são feitas por entorses no joelho, traumas diretos de fora para dentro, forçando o valgo, divididas de bola, onde o atleta vai desequilibrado sofrendo uma sobrecarga no LCM e estressando o mesmo. A lesão pode chegar até ao grau 3, este sendo cirúrgico.

A sintomatologia se enquadra em edema local, dor a palpação, limitação funcional e positivo ao teste de Bocejo. Nesse exame o atleta se posiciona em decúbito dorsal, onde o examinador flete o joelho e ao mesmo tempo faz uma pressão de fora para dentro forçando o ligamento.

A bandagem elástica funciona como um estabilizador do valgo tanto no período de tratamento , de transição e de jogo. “A resposta dos atletas tem sido positiva na evolução da cicatrização total da lesão”, afirma Paulo Anchite.

Como evitar a lesão do (LCM)

Para se evitar a lesão o importante é um bom fortalecimento do quadríceps, um trabalho de propriocepção em dia , um bom condicionamento cardiorrespiratório e claro, a aplicação da bandagem KinesioSport® nos atletas, principalmente aqueles com histórico da lesão.

– Orgulhosamente, a bandagem KinesioSport® é a bandagem oficial do Club de Regatas Vasco da Gama. Acompanhe mais dicas de saúde e bem-estar no nosso Instagram.

Clique aqui para conferir outros artigos do Blog KinesioSport. 

Em caso de suspeita de lesões, procure ajuda médica. 

Lesão do ligamento colateral medial