Malefícios do tabagismo para o desempenho físico  - KinesioSport

Malefícios do tabagismo para o desempenho físico 

Em 31 de maio é lembrado o Dia Mundial Sem Tabaco. Essa data foi criada em 1987 pela Organização Mundial da Saúde (OMS), e tem como objetivo alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo. Que fumar não faz bem para a saúde, todo mundo está cansado de saber. Até mesmo os próprios fumantes sabem, pois os malefícios do tabagismo estão estampados nas embalagens de cigarro. 

Mesmo assim, cerca de 9,8% dos brasileiros afirmam ter o hábito de fumar, de acordo com os dados da mais recente Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2019). 

Tabaco afeta o desempenho físico 

Mas além dos prejuízos que fumar pode trazer para a saúde, como o risco maior de câncer e de doenças cardiovasculares, você sabia que esse hábito também afeta diretamente o seu desempenho físico? Muitos corredores que são tabagistas não conseguem completar uma prova de 5 km, por exemplo. Já no caso dos nadadores, eles acabam tendo que respirar a cada braçada.  

O cardiologista Marcelo Coloma, em entrevista ao Globo Esporte, falou sobre os malefícios do tabagismo para quem pratica atividade física. “O cigarro tem cerca de 4.720 substâncias. Existem três delas que comprometem muito o desempenho do atleta. A Nicotina diminui o tamanho das artérias, que levam o sangue até o músculo, e gera um desempenho muscular bem menor, além de aumentar os batimentos cardíacos. O alcatrão diminui a elasticidade do pulmão. Além delas, ainda tem o monóxido de carbono, que compete com o oxigênio, por isso que o indivíduo que fuma tem falta de ar”, explica. 

Além disso, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), os fumantes adoecem com uma frequência duas vezes maior que os não fumantes. Eles também têm menor resistência física, menos fôlego e pior desempenho nos esportes e na vida sexual, por exemplo, do que aqueles que não fumam.  

Benefícios ao parar de fumar 

Apesar de todos os malefícios do tabagismo, você sabia que os benefícios de parar de fumar são praticamente imediatos? Confira alguns deles: 

– Dentro de 20 minutos, o ritmo cardíaco e a pressão arterial baixam; 

– Em 12 horas, o nível de monóxido de carbono no sangue cai para o normal; 

– De duas a 12 semanas, a circulação sanguínea melhora e a função pulmonar aumenta; 

– Entre 1 a 9 meses, a tosse e a falta de ar diminuem; 

– Após um ano, o risco de desenvolver uma doença coronariana cai pela metade (em relação a um fumante); 

– Dentro de 5 anos, o risco de ter um acidente vascular cerebral é reduzido ao de um não fumante;

– Passados 10 anos, o risco de câncer de pulmão cai para cerca de metade em relação a um fumante e o risco de câncer de boca, garganta, esôfago, bexiga, colo do útero e pâncreas também diminui; 

– E em 15 anos, o risco de doença cardíaca coronária é o mesmo de um não fumante. 

Você é fumante e está cansado de não conseguir correr poucos quilômetros? Ou de não completar seu treino de musculação na academia? Então aproveite o dia de hoje e combata os malefícios do tabagismo cortando de vez esse mal da sua vida! Que tal mudar a sua saúde escolhendo não fumar a partir de hoje?