Pandemia: um ano depois, como você está cuidando da saúde? - KinesioSport

Pandemia: um ano depois, como você está cuidando da saúde?

Já se passou mais um ano desde que a Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou a pandemia de coronavírus. De lá para cá, algumas pessoas, que não tinham o hábito de se exercitar antes da pandemia, começaram a se mexer dentro de casa. Outros, que não perdiam um dia de treino na academia, acabaram deixando de lado o gosto pela endorfina com tanto abre e fecha. Mas e você, como está cuidando da saúde nesse período? 

Comece hoje

Sabemos que são várias as incertezas desde que o mundo entrou em pandemia. Quanto ao trabalho, se continuamos em casa ou voltamos para o escritório da empresa; quanto à rotina social, se os cinemas e teatros abrirão as cortinas para o público em breve; já com relação aos cuidados com a saúde, se a academia vai continuar aberta; entre tantas outras dúvidas que o vírus nos traz diariamente.

Por isso, um dos tantos ensinamentos que a pandemia trouxe para as nossas vidas é o imediatismo. Precisamos viver o hoje, mudar os hábitos de saúde hoje, manter o distanciamento hoje. O amanhã pode ser tarde demais. E uma das coisas que mais costumamos fazer é procrastinar: “amanhã eu começo a me exercitar” ou então “segunda eu começo a dieta”. Quem nunca disse algumas dessas frases, não é mesmo?

Acontece que a nossa saúde não pode esperar. Precisamos mudar hábitos hoje. E não precisa ser abolindo todos os industrializados da sua alimentação, ou se exercitando 7 dias por semana. Se você começar mudando um hábito por dia, em um mês, serão 30 itens melhorados na sua saúde, por exemplo.

Atividade física

Não espere a pandemia passar para voltar a se exercitar ou frequentar a academia. A ciência já comprovou, inclusive, que manter-se fisicamente ativo é imprescindível diante da atual crise sanitária que vivemos. Isso serve tanto para evitar um quadro de depressão, quanto para não desenvolver casos mais graves de Covid.

Um estudo publicado na American Jornal of Psychiatry, incluindo 34 mil pacientes, mostrou que 12% dos casos de depressão puderam ser, de fato, prevenidos com apenas uma sessão de exercícios por semana. A razão é que o exercício melhora o humor, confere sensação de “dever cumprido”, e você sente que está cuidando da saúde. Além disso, ainda contribui para a melhora da nossa autoestima.

Alimentação

E que tal mudar pequenos hábitos na alimentação também? Diminua a compra de industrializados, como refeições prontas congeladas, e evite o consumo de refrigerantes bebendo mais água. Você pode investir, por exemplo, em frutas que goste, como alternativas para adoçar o dia, ou comer mais folhas e vegetais. As alternativas que temos para melhorar a saúde são muitas, mas na correria do dia a dia acabamos fazendo tudo igual e optando pelo “mais fácil”, pela praticidade. Acontece que o nosso corpo precisa de alimentos de verdade, o famoso “descasque mais e desembale menos”.

Organização ajuda na mudança de hábitos

E não é difícil mudar os hábitos, basta começar. Experimente, por exemplo, separar um dia da semana para comprar, lavar e armazenar todas as frutas e vegetais, aí quando for comer é só cozinhar e temperar. Se tiver tempo, pode ser uma boa fazer o almoço e jantar de todos os dias da semana. Assim, você já tem refeições completas no freezer. Quando bater a fome, é só aquecer!

E você, está conseguindo se exercitar e manter hábitos saudáveis? Conta pra gente como você está cuidando da saúde durante a pandemia.