Por que não "abusar" do volume do fone de ouvido - KinesioSport

Por que não “abusar” do volume do fone de ouvido

Malhar escutando música é um caminho sem volta, né? Ou até mesmo ouvindo aquele podcast que acabou de liberar um episódio fresquinho. Muita gente já sai de casa colocando os fones e escolhendo a playlist para mais um dia de treino. No entanto, muitas pessoas abusam na hora de regular o volume do fone de ouvido, e isso pode ser extremamente prejudicial à saúde auditiva.

Benefícios de ouvir música

Ouvir música traz inúmeros benefícios, como a melhora do humor, a diminuição da ansiedade e também ajuda a nos motivar para treinar. Além disso, malhar com o fone é a maneira que muitos usam para se informar sobre as notícias do dia enquanto estão na academia. Porém, em academias, que já possuem som ambiente, como o barulho de pesos e pessoas conversando e uma musiquinha motivacional de fundo, é preciso cuidado na hora de ajustar o volume do fone de ouvido.

Cuidado com o volume

De acordo com a otorrinolaringologista Bruna Assis, do Hospital Paulista, em entrevista à Revista Saúde, “sons numa intensidade acima de 85 decibéis já podem provocar lesões auditivas. Como os fones chegam a 115, não se deve ouvir com mais de 2/3 do volume máximo”. E ela complementa que “considerando que a academia costuma ser barulhenta, o ideal é usar o fone na metade do volume do aparelho”. 

Além disso, não é à toa que o próprio celular notifica quando o volume está muito alto. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 466 milhões de pessoas têm uma perda auditiva incapacitante, isto é, que compromete a qualidade de vida e bem-estar do indivíduo. A expectativa é que 900 milhões de indivíduos estejam nessa situação até 2050. 

Higienize o seu fone 

Para ajudar a preservar a sua saúde auditiva, também é essencial fazer uma boa higienização no seu fone de ouvido após o uso. Afinal de contas, o aparelho teve contato com suor, cera de ouvido, mãos… 

Manter o seu fone limpinho impede o acúmulo de sujeira, fungos e bactérias, evitando desde inflamações na pele como eczemas a otites.  

É bom lembrar que cada aparelho possui um manual, que você pode consultar para saber quais produtos usar na higienização. Mas em geral, limpar com álcool 70% após o uso é o suficiente. 

Não há problema escutar sua música ou podcast, mas é bom ter cuidado com o volume do fone de ouvido. Assim, você consegue se motivar para o treino e prestar mais atenção ao executar os movimentos!