Sem desculpas: cuidados ao treinar no inverno - KinesioSport

Sem desculpas: cuidados ao treinar no inverno

Os cuidados ao treinar no inverno devem ser redobrados para você não se resfriar ou se machucar, por exemplo. Além disso, diante da pandemia de coronavírus, é preciso estar sempre ligado no quesito higiene e distanciamento social.

Não deixe de se exercitar durante a estação porque o frio está muito rigoroso. Devemos cultivar nossa saúde durante todo ano, nas quatro estações. Isso, é claro, se você não estiver doente. Também há aqueles dias que a gente não está afim de praticar uma atividade. Respeite seu corpo e recomece no dia anterior. Confira algumas dicas para treinar no inverno:

A importância de aquecer e alongar

Preparar o corpo para a atividade física é essencial. Isso se faz com aquecimento e alongamento. Pode ser com corrida leve, movimento de pernas, braços e cabeça, por exemplo. De acordo com o fisiologista do esporte Raul Santo, em entrevista ao portal Minha Vida, o risco de lesões aumenta nos dias frios, pois nossos receptores cerebrais ficam com a atividade limitada, demorando mais tempo para enviar reforços a articulações, musculatura e ligamentos. Por isso, é importante dar mais atenção ao aquecimento e alongamento durante os dias frios. Mas, se você se lesionar, lembre-se que pode contar com as bandagens da KinesioSport, que contribuem para uma vida ativa com qualidade.

Roupas propícias à estação

Nada de se encasacar para praticar exercício, pois você vai suar mais, fazendo com que o rendimento caia e leve à fadiga. O ideal é usar roupas específicas para a atividade física, pois elas facilitam o processo de sudorese. Também é importante manter as extremidades (mãos, pés e cabeça) bem aquecidas com luvas, meias e toucas. Outra dica é que se você sentir calor durante o treino, tire as roupas aos poucos, nunca várias peças de uma só vez, pois o corpo pode sofrer um choque térmico.

Não descuide da hidratação

Já falamos por aqui da importância de manter o corpo bem hidratado e nutrido. Nos dias mais frios acabamos esquecendo de beber água, muitas vezes. Mas é muito importância sempre ter uma garrafinha por perto para lembrar desse hábito que só faz bem. Além disso, invista em frutas, que tal degustar uma laranja ou bergamota lagarteando no sol e já garantindo a dose diária de vitamina C e D?

Troque de roupa

Assim que você terminar o treino, deve tirar as roupas que estava usando e trocar por outras secas, mesmo que vá tomar banho só quando chegar em casa. O fisiologista Raul Santo explica que, quando você termina de treinar, suas roupas estão úmidas, o que pode prejudicar regulação da sua temperatura corporal, gerando uma hipotermia. Se for tomar banho, a temperatura deve ser de morna a quente e a vestimenta do pós-treino deve incluir um agasalho.

Prefira lugares abertos

Devido a pandemia, muitos parques e praças estão interditados para evitar aglomeração. Locais que muitas vezes eram usamos para as pessoas se exercitarem. Os ambientes ideias para se treinar são os abertos, onde circulam mais ar. Então se você não pode treinar na praça perto de sua casa, corra pelas ruas, mas sempre com segurança. Use roupas com materiais refletivos, que ajudaram motoristas notarem de longe o atleta durante a prática, evitando acidentes.

Gostou das dicas? Às vezes a gente só quer ficar debaixo das cobertas ao invés de treinar no inverno, não é mesmo? Mas devemos lembrar que não conquistamos saúde do dia para a noite, e que apesar da preguiça, a sensação de bem-estar após a prática é mais compensadora do que qualquer desculpa!